Busca:

Etiqueta Arquivos: Desemprego

Novembro, a menor geração de empregos em 11 meses no Brasil


A economia brasileira teve em novembro a menor geração de empregos formais em 11 meses, registrando a pior criação de vagas para o mês em três anos, em mais um indicativo dos efeitos da crise internacional sobre a atividade doméstica.

trabalho

Em novembro, foram gerados 42.735 postos de trabalho com carteira assinada, informou o Ministério do Trabalho nesta terça-feira, com base em números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O número veio bem abaixo da estimativa feita no mês passado pelo então ministro do Trabalho, Carlos Lupi, para quem o país teria geração líquida de pelo menos 70 mil postos.

O dado de novembro representa um tombo de 69% ante os 139 mil postos criados em outubro.

Mais

Desemprego no Brasil


O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) é o encarregado de coordenar mensalmente a Pesquisa Mensal do Emprego que determina a taxa de desemprego ou de desocupação no Brasil. Os estudos são feitos com a População Economicamente Ativa (PEA) das seis maiores regiões metropolitanas do país (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Salvador e Recife).

São classificadas como pessoas desempregadas ou desocupadas aquelas que não se encontram trabalhando nos trinta dias anteriores à semana em que se responde à pesquisa. Fazem parte da população em idade ativa (PIA) os maiores de dezoito anos de idade, em condições saudáveis para exercer alguma atividade na sociedade, e que por alguma circunstância, não estão podendo realizar uma função.

A pesquisa foi iniciada em 1980 e em 2001, passou por um de revisão metodológica para ampliar a investigação com vistas ao melhor conhecimento da população ocupada e da população à procura de trabalho; e modificaram os instrumentos e os procedimentos de coleta, introduzindo a coleta eletrônica e alterações no processo de expansão da amostra. A revisão permitiu realizar estudos mais profundos acerca de temas específicos, que contemplam características demográficas, sociais e econômicas do mercado de trabalho.

Em abril de 2004 se registrou a maior taxa de desocupação (13,1%) e a menor foi a de dezembro de 2010 (5,3%). Em junho de 2011 a taxa de desocupação registrada foi de 6,4%.

Imagem e dados do IBGE

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil